Desenvolvimento

A chegada dos dentinhos

A dentição de leite (decídua ou temporária) constitui o primeiro conjunto de dentes que aparecem nas crianças. Eles são substituídos, após a sua queda, pelos dentes permanentes.
A época de aparecimento dos dentes varia muito de criança para criança dependendo de fatores genéticos, condições do nascimento, desenvolvimento e amadurecimento ósseo.
Os primeiros dentes de leite  aparecem na cavidade oral por volta dos 10 meses de vida, estando a dentição completa entre de 2 e 3 anos. Ela é composta por 20 dentes (10 na maxila e 10 na mandíbula).

Sequência de dentes e idade (em média) de aparecimento:

 

 

Incisivos centrais

 

Incisivos laterais

Caninos

1o. molares

2o. molares

Dentes superiores (meses)

8

10

20

16

24

Dentes inferiores (meses)

6

9

18

16

22

                              
Alguns sintomas podem aparecer nessa fase como dor e incômodo.

Manifestações locais:
Inflamação gengival
Eritema, prurido, edema gengival
Irritação local
Vermelhidão da mucosa oral
Salivação excessiva
Úlceras bucais
Aumento da frequência da sucção e ato de morder
Bruxismo (ranger dos dentes)

 

Manifestações sistêmicas:
Alterações gastrintestinais: diarreia, vômitos, cólicas
Alteração do sono
Irritabilidade
Febre
Redução do apetite
Desidratação por menor ingestão de líquidos

Nessa situação quando há muito incômodo e dor, deve-se acalmar a criança, oferecer alimentos que ela aceite em consistência facilitada, preferencialmente, frios ou gelados e/ou utilizar mordedores apropriados resfriados. Se a dor for muito intensa, o pediatra deve ser consultado, sobre a necessidade de se utilizar analgésicos sistêmicos e/ou anestésicos locais (gel e pomada que aplicado na mucosa oral reduz a dor).

Sequência de queda (em média):

 

 

Incisivos centrais

 

Incisivos laterais

Caninos

1o. molares

2o. molares

Dentes superiores (anos)

7-8

8-9

11

10

12

Dentes inferiores (anos)

6-7

7-8

10

11

12

Os dentes permanentes começam a aparecer mais ou menos aos 6 anos de idade. Essa dentição é composta por 32 dentes sendo 16 na mandíbula e 16 na maxila. Por volta de 13 – 15 anos a dentição permanente está praticamente completa, restando os terceiros molares (dentes do siso) que nascem perto dos 18 anos.

Nascimento dos dentes permanentes:

 

 

Incisivos centrais

 

Incisivos laterais

 

Caninos

 

1o pré-molares

 

2o. pré-molares

 

1o. molares

 

2o. molares

 

3o. molares

Dentes superiores
(anos)

8

8-9

11

11

11

6

12

17-20

Dentes inferiores (anos)

7

7-8

9-11

10

11

6

12

17-20

Observe que no lugar dos molares de leite, vem os pré-molares da dentição permanente        .
O que poderia parecer um 3o. molar da dentição de leite, na verdade já é o 1o. molar da dentição definitiva.
O cuidado com os dentes deve-se iniciar antes mesmo do primeiro aparecer, pois a higiene da boca assegura a saúde dos dentes.

0
0
0
s2sdefault